Marcha pela CPI deve reunir 20 mil pessoas

Os organizadores da Marcha sobre Brasília pretendem reunir, amanhã, 20 mil pessoas na capital federal, num protesto a favor da criação da CPI da Corrupção, da melhoria dos serviços públicos e da reposição de perdas salariais dos servidores públicos. O movimento é liderado pelos partidos de oposição, pela Central Única de Trabalhadores (CUT, que reúne 3.000 sindicatos) e por mais 15 entidades civis.A concentração começará às 9 horas, na frente do edifício-sede do Banco Central, de onde sairá com destino à Praça dos Três Poderes e ao Congresso. A coordenação da manifestação organizou uma espécie de sistema de escola de samba para o movimento: haverá abre-alas, bonecos gigantes representando o presidente Fernando Henrique Cardoso e o senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) e shows de música e teatro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.