Marcha do MST chegará a Bahia nesta segunda-feira

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) chegará a Salvador na segunda-feira, 16, pela manhã, quando concluirá uma marcha de 115 quilômetros de caminhada, da cidade de Feira de Santana à capital baiana. "São 5 mil trabalhadores de nove regiões do Estado marchando para protestar contra a impunidade no campo e para pressionar o Governo Federal a apressar a Reforma Agrária", explicou Márcio Matos, coordenador estadual e nacional do MST. Eles também pretendem conseguir uma audiência com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília, além de se somarem, no dia 17, aos protestos que acontecerão em escala nacional em repúdio ao massacre de Eldorado dos Carajás, ocorrido em 1996.Ainda no dia 17, comparecerão a uma sessão na Assembléia Legislativa para chamar a atenção dos deputados estaduais para a possibilidade de uso das terras públicas para a Reforma Agrária, o que já tinha sido proposto pelo ex-deputado Valmir Assunção. Aquiles Siquara, diretor do MST na Bahia, lembrou que durante a caminhada muitos militantes foram picados por cobras ou sentiram-se mal devido à mudança de clima e da qualidade da água, mas todos já estão sendo amparados. "A prefeitura vai mandar nesta segunda-feira uma equipe para atender o pessoal. Mas todos estão bem, porque quando um cai, outro está sempre por perto para dar auxílio", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.