Maranhão tem o menor PIB per capita do País

O Produto Interno Bruto (PIB) per capita (quanto foi gerado de riqueza dividido pela população) do Maranhão, de R$ 1.402, é o menor do País, segundo divulgou hoje o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A pesquisa de Contas Regionais de 1999 do instituto analisou esse indicador no Plano Real.Entre 1994 e 1999 o PIB per capita do País cresceu de R$ 2.227 para R$ 5.740, ou 158%. O Maranhão apresentou crescimento similar, de 157%, já que em 1994 registrava PIB per capita de R$ 546, mas manteve o pior resultado. "Ao longo de toda a série das contas regionais, de 1985 a 1999, o estado manteve-se como o de menor renda per capita do Brasil", afirmou o chefe do Departamento de Contas Nacionais do IBGE, Eduardo Nunes. O estado tem participação de 0,81% no PIB do País.Ele ressaltou que o fato da população do Maranhão ser maior a de outros estados com PIB similar, como o Piauí (renda per capital de R$ 1.660) torna piores os resultados do estado.O Distrito Federal, por outro lado, apresentou o maior PIB per capital do Brasil (R$ 10.935). Segundo Nunes, a região é privilegiada por concentrar toda a atividade econômica do governo federal e as instituições financeiras estatais, além de registrar população relativamente pequena.A região Nordeste apresentava em 1999 o pior PIB per capita do País (R$ 2.671), enquanto o da região Sudeste é o mais elevado (R$ 7.483). No caso de São Paulo, atingia R$ 9.210, o maior da região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.