ANDRE DUSEK / ESTADAO
ANDRE DUSEK / ESTADAO

Maranhão diz que compensará folga de deputados com esforço concentrado na próxima semana

Maranhão alegou que o período de festas de São João exige que a bancada do Nordeste esteja em suas bases eleitorais

Daiene Cardoso, O Estado de S. Paulo

28 de junho de 2016 | 12h22

BRASÍLIA - O presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), anunciou nesta terça-feira, 28, que vai compensar na próxima semana os dias de folga prolongada dos parlamentares por causa das festas juninas. "Na próxima semana faremos um esforço concentrado, trabalhando de segunda a quinta-feira para que possamos oferecer ao País uma agenda positiva e dar andamento aos trabalhos da Casa", declarou.

Maranhão alegou que o período de festas de São João exige que a bancada do Nordeste esteja em suas bases eleitorais e que, por isso, não haverá desconto de salário dos parlamentares que não comparecerem à sessão desta terça, única marcada para esta semana. "Os deputados que estarão aqui certamente vão dar sua contribuição", respondeu ao ser questionado sobre a repercussão negativa da folga dos deputados.

Avesso a entrevistas, o pepista surpreendeu a falar por dois minutos com os jornalistas. Maranhão disse que vai presidir a sessão plenária e defendeu que a Câmara trabalhe para superar o momento de crise. "Estamos trabalhando para que a Casa recupere sua normalidade", declarou.

Neste momento, a Câmara tem 228 deputados que registraram presença. O quórum mínimo para votações é de 257 presentes.

Tudo o que sabemos sobre:
Waldir MaranhãoCâmara dos Deputados

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.