Maquiavel: Pensava o poder e morreu pobre

Filósofo italiano escreveu 'O Príncipe' na tentativa de conquistar cargo público

Lilian Venturini - O Estado de S. Paulo

07 de julho de 2013 | 12h30

Nascido em 1469, em Florença, Maquiavel foi historiador, filósofo e ocupou cargos políticos. Escreveu O Príncipe em 1513 e o dedicou ao governante florentino da época, Lorenzo de Médici, de quem pretendia se reaproximar. Não funcionou. Ele morreu pobre, em 1527, e sua obra só ganhou fama depois de sua morte.

 

Sua figura ficou, indevidamente, associada a práticas antiéticas e tiranas. Maquiavel, na verdade, era um republicano - posição que ele discutiu em obras menos conhecidas que O Príncipe. Outro erro a seu respeito: ele jamais escreveu uma famosa frase segundo a qual "os fins justificam os meios". Seu maior livro é uma leitura dos sucessos e fracassos dos príncipes de seu tempo, relativizando a ideia de bem e de mal e lembrando que o homem é um ser imperfeito. Um bom líder, dizia, precisa ser dotado de virtù e fortuna - resumidamente, de qualidades e de sorte.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
maquiavel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.