Mantega explicará no Congresso mudanças na poupança

A ministra da secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, disse nesta terça-feira que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, deverá ir ao Congresso nos próximos dias para falar sobre as mudanças na caderneta de poupança. A presidente Dilma Rousseff editou na semana passada uma medida provisória com uma nova forma de remuneração da poupança, o que permitirá maiores reduções da Selic, mas sem que haja uma migração de investimentos de fundos para a caderneta.

RICARDO BRITO, Agência Estado

08 Maio 2012 | 11h09

Guido Mantega, segundo Ideli, deve comparecer a uma audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado para explicar as mudanças. A decisão foi acertada hoje no encontro entre os líderes governistas, em café da manhã realizado no gabinete do líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM).

"São dois assuntos importantes que os líderes estão entendendo que devem ser debatido nos próximos dias", afirmou Ideli, na saída do encontro. "(Ele vai) apresentar os dados sobre as modificações na poupança e principalmente para que os juros caiam", completou. Não está descartada a ida de Guido também a uma comissão da Câmara dos Deputados, Casa em que a MP da poupança tramitará inicialmente.

A ministra disse que o governo espera ver aprovado pelo Congresso a medida provisória até o meio do ano, antes, portanto, do recesso parlamentar e do inicio da campanha municipal.

Mais conteúdo sobre:
poupança mudança Congresso

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.