Mantega está mais disponível, diz líder do PMDB

O líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN), abriu hoje a reunião da bancada do partido sobre a proposta de reforma tributária declarando que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, "de uns tempos para cá tem sido mais disponível (para encontro com parlamentares)". O líder do partido afirmou que o PMDB é a maior bancada, com 96 deputados, e hoje está coesa e unida, diferente das divisões do passado. "Essa bancada está coesa e unida e isso é fundamental para o País", afirmou.Segundo ele, a reforma tributária é uma bandeira antiga do PMDB, mas não é um processo simples.Ele prometeu esforço possível para votar a emenda constitucional ainda este ano. "Nós sabemos que todo o governo pode fazer mais, melhorar. E nós queremos dar a nossa contribuição", disse o líder.O Ministério da Fazenda preparou uma cartilha com os detalhes da proposta de reforma tributária para ser entregue na reunião. Também participam da reunião Germano Rigotto, ex-governador do Rio Grande do Sul, e a líder do governo no Congresso, Roseana Sarney.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.