Manifesto defende ações dos sem-terra

O Movimento Ministério Público Democrático, entidade não-governamental que reúne membros do Ministério Público de todo o Brasil, divulgou manifesto declarando repúdio "a toda e qualquer ação judicial que vise à criminalização dos movimentos sociais". A divulgação da nota ocorreu após o Ministério Público gaúcho propor quatro ações que, segundo o movimento, "tentam conter os sem-terra".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.