Manifestantes pró e contra Arruda se ameaçam com paus no DF

Aposentado e desempregado se desentenderam em frente à Superintendência da Polícia Federal

estadao.com.br,

10 de março de 2010 | 17h00

Carlos Pereira de Sousa (e) e José Lopes (d) se desentenderam em frente à PF

 

BRASÍLIA - Dois manifestantes, um pró e outro contra o governador licenciado do Distrito Federal, José Roberto Arruda, estiveram próximos de trocarem pauladas em frente à Superintendência da Polícia Federal (PF), em Brasília, nesta quarta-feira, 10.

 

A briga começou quando o desempregado Carlos Pereira de Sousa, que protestava contra o mal atendimento recebido por sua mãe nos serviços de saúde, tentou arrancar faixas de apoio a Arruda estendidas em frente à PF pelo aposentado José Lopes.

 

 

Apesar da agressividade dos dois manifestantes, ninguém se machucou no episódio

 

Os dois chegaram a se armar com pedaços de madeira, mas foram impedidos por agentes da PF, que exigiram que os dois parassem.

Tudo o que sabemos sobre:
Arrudamensalão do DEMArruda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.