André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

Manifestação é legítima, mas sem intolerância, diz ministro da Justiça

José Eduardo Cardozo foi hostilizado por grupo de manifestantes enquanto caminhava pela Avenida Paulista neste domingo

RICARDO GALHARDO, O Estado de S. Paulo

30 de agosto de 2015 | 14h58

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, foi hostilizado com xingamentos e vaias por um grupo de manifestantes, que protestavam neste domingo na Avenida Paulista contra a corrupção e o Partido dos Trabalhadores (PT).

"É legítima a manifestação democrática, mas acho errado quando tem xingamento e intolerância", disse o ministro ao Estado

Cardozo não passou perto do protesto, que teve o boneco em alusão ao ex-presidente Lula – apelidado de "Pixuleco" e "Lula Inflado" –, sendo abordado pelos manifestantes na Paulista, enquanto seguia para o condomínio Conjunto Nacional.

Manifestação. Integrantes do Movimento Brasil Melhor inflaram o boneco representando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em frente ao prédio do Tribunal de Contas da União (TCU), por volta das 10h deste domingo. O protesto chegou a ter um princípio de tumulto, quando manifestantes a favor do PT passaram a proteger o governo e Lula.

Tudo o que sabemos sobre:
protestolula infladopixulecocardozo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.