Mandato termina em 31 de dezembro de 2010, afirma Lula

Presidente reforça com nova declaração que não tem interesse em buscar um terceiro mandato

JAMIL CHADE, Agencia Estado

21 de maio de 2009 | 09h25

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reiterou nesta quinta-feira, 21, que seu mandato terminará no dia 31 de dezembro de 2010. Em discurso a empresários na Turquia, Lula deixou claro que ainda precisava completar iniciativas na área comercial antes de seu mandato terminar. "Ele (mandato) termina no dia 31 de dezembro de 2010", afirmou. Com a declaração, Lula sinaliza novamente que não tem interesse de buscar um terceiro mandato. Ele já havia dito o mesmo ontem, na China.

 

Veja também:

link Lula descarta 3º mandato mas quer reconquistar o poder em 2014

link Tarso nega interesse do governo em terceiro mandato

O presidente disse ainda que a Petrobras não deve ter medo de fazer investimentos em novas oportunidades. "Isso ajudará a companhia a ter mais acesso a fontes de petróleo", disse. "Com isso, a gasolina, que já está barata no Brasil, pode ficar ainda mais barata."

 

A Petrobras assina amanhã acordo para exploração de petróleo no Mar Negro. A empresa estima que o Mar Negro possa ser uma nova fronteira para exploração de petróleo e prevê que até o final do ano a primeira sonda para prospecção já chegará à região. O governo turco estima que as reservas do Mar Negro sejam de 10 bilhões de barris. "Deus queira que a Petrobras encontre petróleo", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
Lula3º mandatoTurquia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.