Maluf protesta contra novos processos

O ex-prefeito Paulo Maluf (PPB) protestou contra a iniciativa do Ministério Público Estadual abrir pelo menos cinco novas ações para investigar denúncias de superfaturamento e desvio de dinheiro nas obras das avenidas Água Espraiada e Jacu Pêssego, do túnel de Pinheiros e do bulevar da Avenida Juscelino Kubistchek, realizadas durante as gestões de Maluf e Celso Pitta (PTN). "É muito estranho que só agora, cinco anos depois, às vésperas de uma nova eleição para governador, o Ministério Público tenha se preocupado com isso e tente encontrar irregularidades onde elas não existem", afirmou, lembrando que as contas de sua administração foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Município e pela Câmara de Vereadores de São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.