Maluf é multado em R$ 21 mil por propaganda antecipada

A Justiça Eleitoral condenou o candidato àprefeitura paulistana pelo PP, Paulo Maluf, a pagar uma multa de R$ 21.282 por realização de propaganda antecipada. A decisãofoi tomada pelo juiz auxiliar da propaganda eleitoral da 1ª Zona, Paulo Sérgio Galizia, que acolheu representação do MinistérioPúblico Eleitoral.De acordo com o TRE-SP, a propaganda de Maluf foi veiculada no dia 21 de junho, por meio de um programa do PP, em cadeiade rede estadual de televisão, antes do período permitido.Conforme a decisão de Galizia, "há clara e inequívoca revelação do cargo pretendido, da ação política que pretende desenvolver edos méritos pessoais que o habilitam ao exercício da função".A propaganda eleitoral é permitida apenas a partir de 6 de julho do ano da respectiva eleição. Ainda cabem recursos dascondenações ao TRE-SP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.