Maluf acusa Serra de usar Ministério Público em campanha

O candidato do PP à Prefeitura, exprefeito Paulo Maluf, acusou o adversário tucano, José Serra, de estar usando o Ministério Público Estadual em benefício de sua campanha. Maluf fez a acusação ao reagir ao laudo divulgado pelos promotor Silvio Marques, atestando, segundo dois peritos, que a assinatura no documento enviado pela Justiça suíça que trata de uma transferência bancária de mais de US$ 100 milhões é dele. Segundo os peritos, não há indícios de montagem no texto. ?Ninguém disse que o documento é falso. O que digo e repito é que a letra não é minha e que não assinei aquele papel?, afirmou. ?Mas quero fazer uma acusação. O Ministério Público está transformando em comitê eleitoral o gabinete de dois promotores. Lamento que o candidato José Serra, que agrediu (na campanha presidencial) Roseana Sarney, Ciro Gomes, José Dirceu, Marta (Suplicy) e seu marido, agora se torna não só o vampiro da economia, porque os juros altos (sic), não só o vampiro do sangue, mas agora o vampiro da baixaria.? Maluf visitou a Francal, no Anhembi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.