Malta continua disposto a protocolar requerimento de CPI

O senador Magno Malta (PT-ES) esteve hoje com o presidente do Senado, José Sarney, e o líder do PMDB, Renan Calheiros. Mas saiu desses dois encontros, por volta das 13h30, afirmando que mantém sua posição em relação à CPI dos Bingos. Embora admita que as pressões do governo já tenham provocado o adiamento da apresentação do seu requerimento para instalar a CPI do Bingo, de ontem para hoje, o senador diz que ainda está disposto a protocolar a sua iniciativa. Segundo ele, José Sarney mantém a sua posição já conhecida de que se o requerimento for protocolado ele dará encaminhamento para a instituição da CPI. Malta disse que Renan pediu a ele o mesmo que os outros líderes já haviam solicitado. Ou seja, para aguardar a votação da MP para só então protocolar o requerimento. "Continuo achando que a aprovação da MP não invalida a investigação", disse. Malta iria se encontrar em seguida com a bancada do seu estado no Senado e na Câmara e ainda nesta tarde se reúne com os líderes governistas do Senado. Malta afirma não ter discutido a questão da CPI dos Bingos com Sarney, mas detalhes sobre o seu projeto de decreto legislativo que susta os efeitos da decisão do Cade que impediu a compra da Garoto pela Nestlé. Segundo Malta, seu projeto de decreto legislativo vai ser votado na próxima quarta-feira, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.