Malan apela para o PFL votar já a CPMF

O ministro da Fazenda, Pedro Malan, voltou hoje a apelar aos parlamentares, especialmente da bancada do PFL no Congresso, para que aprovem a emenda constitucional que prorroga a CPMF. "Espero que seja votada já", disse ele, durante o s debates do 29ª Período de Sessões da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal). "Não há espaço para essa atitude de que não há pressa, porque há questões sérias envolvidas, que são cortes de gastos e aumento de impostos que somos obrigados a fazer. Essa atitude não serve ao País. Fica aqui o meu apelo".Malan cobrou das lideranças pefelistas, com quem disse ter mantido contatos, a postura de que eles sabem distinguir questões político-partidárias e jogo eleitoral dos interesses maiores do País e da governabilidade. "O que está em jogo são os interesses maiores do País", afirmou.Ele disse também que, até agora, o prejuízo com o atraso na votação da emenda que prorroga a CPMF soma R$ 3,2 bilhões e que mais um mês de atraso significa mais SR$ 1,6 bilhão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.