Maioria dos brasileiros é contra nova CPMF, aponta CNT/Sensus

De acordo com pesquisa, 53,9% dos entrevistados disse não aprovar criação da Contribuição Social para Saúde

FABIO GRANER, Agencia Estado

08 de setembro de 2009 | 13h35

Mais da metade da população entrevistada na pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta terça-feira, 8, afirmou ser contra a criação da Contribuição Social para a Saúde (CSS), que visa ressuscitar a antiga Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).

 

Veja também:

linkAprovação a Lula cai de 81,5% para 76,8%, indica pesquisa CNT/Sensus

linkDilma cai e Serra oscila negativamente em nova pesquisa

 

De acordo com o levantamento, 53,9% declararam-se contra o novo tributo, que está em discussão na Câmara dos Deputados. Já 37,1% dos entrevistados se manifestaram favoravelmente.

Tudo o que sabemos sobre:
pesquisaCNTSensusCSSCPMF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.