Maguito apóia Temer mas impõe condições

O presidente do PMDB, Maguito Vilela (GO), disse hoje que abre mão de sua candidatura à presidência do partido em favor do deputado Michel Temer (PMDB-SP) desde que na convenção de 9 de setembro seja decidida a independência da legenda em relação ao governo. O senador apontou outras duas condições: que seja aprovada a tese da candidatura própria à sucessão presidencial e uma consulta para ver quem será o candidato do PMDB em 2002, ou seja, que o partido escolha entre Itamar Franco e Pedro Simon, dois pré-candidatos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.