DIDA SAMPAIO/ESTADÃO
DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Macron concede a mais alta honraria francesa a Randolfe pelo combate à covid

Comenda, que existe desde o século XIX, será entregue pelo presidente francês; senador revelou homenagem nas mídias sociais

Taísa Medeiros, especial para o Estadão, O Estado de S.Paulo

21 de julho de 2021 | 17h38

O senador e vice-presidente da CPI da Covid, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) será condecorado pelo presidente da França, Emannuel Macron, com a Comenda Légion D’honneur. A honraria foi concedida pela atuação de Randolfe no combate à pandemia e pelas ações de defesa do meio ambiente.

Nas redes sociais, o senador anunciou a homenagem e expressou sua gratidão. “Agradecemos o reconhecimento aos nossos esforços e trabalho, sempre pautados pela defesa dos interesses populares, a ética na política e o desenvolvimento sustentável com distribuição de riqueza para todos”, escreveu.

A “Legião da Honra” foi criada pelo imperador Napoleão Bonaparte em 1802. Brasileiros como Dom Pedro II, Fernando Henrique Cardoso e Paulo Coelho também já foram condecorados. Também devem receber a honraria neste ano a belga Michèle Sioen, a camaronesa Marthe Wandou, os argentinos Alberto Barbieri e Patricia Pellegrini, a austríaca Cynthia Zimmermann, e a chilena Marcia Covarrubias Martinez.

Colaborou Patrick Freitas, especial para o Estadão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.