Amanda Perobelli/REUTERS e Dida Sampaio/ESTADÃO
Amanda Perobelli/REUTERS e Dida Sampaio/ESTADÃO

Lula venceria Bolsonaro no segundo turno por 55% a 32% dos votos, diz pesquisa

Levantamento do Datafolha mostra petista com 41% no primeiro turno, seguido pelo presidente, com 23%

Gustavo Porto, O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2021 | 19h45

BRASÍLIA – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece na liderança das intenções de voto para as eleições 2022, com uma vantagem de 18 pontos porcentuais em relação ao presidente Jair Bolsonaro, que figura em segundo lugar na pesquisa. Os dados são do instituto Datafolha, em levantamento divulgado na noite desta quarta-feira, 12.

Na pesquisa, Lula alcança 41% das intenções de voto no primeiro turno, contra 23% de Bolsonaro. Em um eventual segundo turno entre os dois, o petista teria vantagem de 55% a 32%. 

A pesquisa foi feita com 2.071 pessoas, de forma presencial, em 146 municípios, entre ontem e hoje. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Ainda em uma primeira etapa de votação, o ex-ministro da Justiça Sergio Moro aparece com 7% das intenções de voto, seguido pelo ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%; o apresentador Luciano Huck, com 4%; o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 3%. Com 2%, aparecem empatados o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) e João Amoêdo (Novo).

Outros 9% dos entrevistados informaram que votariam em branco, nulo, ou em nenhum candidato, e 4% estão indecisos. 

O Datafolha destaca que, no segundo turno, Lula herdaria votos dados a Doria, Ciro e Huck, e Bolsonaro teria os de Moro. O petista ganharia de Moro (53% a 33%) e Doria (57% a 21%) caso enfrentasse esses candidatos no segundo turno. Já Bolsonaro empataria tecnicamente com Doria (39% a 40%) e perderia para Ciro (36% a 48%). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.