Lula reitera intenção de transpor águas de rios

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reiterou, hoje, que pretende fazer a transposição de águas de rios do Norte e Centro-Oeste para o Semi-Árido nordestino. "Eu vou fazer a transposição das águas, sem nunca ter prometido", afirmou. "Este é um programa de 1847. Dom Pedro era muito jovem quando pensou nesse projeto". Mais adiante, ele afirmou que "o problema não é quanto vai custar a obra, mas quanto vai custar não fazer esta obra". Ele lembrou da época de sua infância em Pernambuco, ao defender a transposição. "Eu já tenho a cabeça pequena por carregar potes de água na cabeça", afirmou. "Não posso mais prometer levar água para lugar nenhum neste País e, como não dá para levar na cabeça, vamos ter que fazer o processo de transposição das águas por um canal".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.