Lula recebe primeiro-ministro japonês

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva está reunido na manhã desta quinta-feira com o primeiro-ministro do Japão, Junichiro Koizumi. Ele foi recebido com honras militares no Palácio do Planalto, que contou com salva de 21 tiros de canhão e revista às tropas. O presidente Lula e o chanceler Celso Amorim receberam o representante japonês no alto da rampa de acesso ao Salão Nobre do Palácio. Cerca de 80 crianças das terceira e quarta séries do ensino fundamental da Escola Classe 21 de Taguatinga, cidade satélite do Distrito Federal, que faziam visita ao Palácio do Planalto, puderam acompanhar a entrada da comitiva japonesa. Eles saudaram o presidente Lula e Koizumi com bandeiras dos dois países. Os dois presidentes posaram para fotos e cumprimentaram as crianças.Após uma reunião reservada entre o presidente Lula e o primeiro-ministro, ministros dos dois países se juntarão a eles. Entre os assuntos a serem tratados no encontro estão o incremento das relações nipo-brasileiras e a presença de uma significativa comunidade brasileira no Japão. Eles também tratarão de temas da agenda multilateral, com ênfase na reforma da Organização das Nações Unidas e na cooperação internacional para a promoção da paz, da segurança e do desenvolvimento. Dentro da agenda bilateral, Lula e Koizumi buscarão formas de dinamizar as relações econômicas, comerciais, financeiras, científico-tecnológicas e culturais entre os dois países. Visita ao JapãoSegundo a Agência Brasil, o presidente Lula deverá ainda expressar sua intenção de visitar o Japão em 2005. Após a reunião no Palácio do Planalto, o presidente brasileiro oferecerá um almoço à comitiva japonesa no Palácio do Itamaraty. Às 16h, o primeiro-ministro japonês deixa o país com destino ao México.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.