Wilson Pedrosa/AE
Wilson Pedrosa/AE

Lula pode se licenciar para ajudar Dilma, diz jornal

Segundo o Estado apurou, presidente não descarta possibilidade, mas ainda não tomou decisão sobre o assunto

estadao.com.br,

04 de março de 2010 | 01h26

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode se licenciar do cargo, em agosto e setembro, para participar da campanha de Dilma Rousseff à presidência, segundo informações do jornal O Globo.

 

Veja também:

link Serra diz nunca ter se afastado de candidatura

link Aécio reitera não aceitar ser vice de Serra

link Lula elogia Dilma e pede juízo a parlamentares

 

Segundo o Estado apurou, o presidente ainda não tomou nenhuma decisão sobre o tema. Fontes próximas à presidência afirmaram, no entanto, que Lula considera a hipótese de se licenciar em algum momento durante a campanha, mas que ele pretende concluir o mandato.

 

De acordo com o colunista Ilimar Franco, do O Globo, com o pedido de licença o presidente Lula quer evitar problemas com a Justiça Eleitoral e se dedicar à tarefa de eleger o seu sucessor. O período e o afastamento seriam ditados pela necessidade política.

 

Durante o período de licença, o cargo poderá ser exercido pelo presidente do Senado, José Sarney. O ex-presidente da República é o único na linha sucessória que poderá assumir, porque o vice José Alencar e o presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP) deverão ser candidatos nas próximas eleições.

 

Nesta quinta-feira, 4, Sarney declarou que a notícia veículada pelo jornal O Globo não tem fundamento. "Isso não faz sentido. Se o Lula não se licenciou nem quando era candidato, por que ia se licenciar agora", questionou Sarney, referindo-se à disputa para o segundo mandato do presidente.

 

Em outubro, o Estado antecipou que Lula estava sendo pressionado pelo PMDB para considerar a possibilidade de tirar um mês de licença, durante as eleições, para se dedicar integralmente à campanha de Dilma Rousseff, caso as pesquisas eleitorais sobre a candidata apontassem um desempenho abaixo do esperado.

 

Portal Brasil

 

Na quarta-feira, 3, Lula participou do lançamento do Portal Brasil (www.brasil.gov.br), que reúne todas as informações dos sites de governo em apenas um site. Nesta quinta-feira, 4, o presidente deve participar à tarde de uma reunião sobre o PAC II, no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília.

 

Atualizado às 13h39

Mais conteúdo sobre:
LulalicençaDilmacampanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.