Lula pede empenho de líderes para aprovação da CPMF

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva renovou hoje o pedido de empenho para que os líderes assegurem a votação da proposta que prorroga a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) até 2010. Segundo o líder do governo na Câmara, José Múcio (PTB-PE), o presidente Lula disse, durante a reunião do Conselho Político, que o orçamento "não pode prescindir" da arrecadação da CPMF.Mais uma vez, Lula ressaltou que parte significativa da arrecadação - cerca de R$ 24 bilhões - são destinadas ao financiamento das despesas com a área de saúde. José Múcio afirmou, no entanto, que o presidente mantém o otimismo em relação à aprovação do tributo. "Mas não podemos parar de trabalhar", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.