Lula passa por 30ª sessão de radioterapia para tratamento de câncer

Ex-presidente se sente melhor da inflamação na garganta e no esôfago, mas ainda deve permanecer internado até sexta-feira

Daiene Cardoso, de Agência Estado

14 de fevereiro de 2012 | 12h38

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi submetido na manhã desta terça-feira, 14, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, à 30ª sessão de radioterapia contra um câncer na laringe. Segundo a assessoria de imprensa do ex-presidente, Lula se sente melhor da inflamação na garganta e no esôfago, mas ainda deve permanecer internado até sexta-feira, quando fará a última sessão de radioterapia.

 

Nessa manhã, Lula passou por consulta com uma fonoaudióloga, que informou que a voz do ex-presidente melhorou de segunda para terça. No entanto, a voz dele continua fraca. Lula também foi submetido a uma hidratação endovenosa.

 

O ex-presidente foi internado no último sábado, 11, após apresentar um quadro de inflamação na garganta e no esôfago, efeito colateral típico do tratamento radioterápico. Nesta terça, o ex-presidente ainda não recebeu visitas nem há previsão de encontros. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.