Lula não comenta manutenção da verticalização para 2006

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva evitou comentar a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que manteve a obrigatoriedade dos partidos seguirem a regra da verticalização neste ano. Na prática, as legendas terão que reproduzir nos Estados a aliança feitas para Presidência da República. Após uma solenidade em que lançou o Plano Nacional de Águas, Lula foi perguntado pelos repórteres: "E a verticalização, presidente, será bom ou ruim para o governo?". Lula apenas entrou no elevador que o levaria do segundo para o terceiro andar do Palácio do Planalto.A ministra de Meio Ambiente, Marina Silva, também se recusou a comentar o assunto na entrevista na qual deu detalhes do Plano Nacional de Recursos Hídricos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.