Lula não bebe há 40 dias, diz Furlan

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva não bebe há 40 dias, disse nesta quarta-feira o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, em Argel, a capital da Argélia. "Ele vem seguindo à risca o regime dele, inclusive está abstêmio há cerca de 40 dias", disse Furlan, que, ao lado de outros seis ministros, acompanha Lula em um giro por quatro países africanos."Ele só toma coca light e a gente tem que acompanhá-lo", disse ele, rindo. Furlan disse que "Lula está muito bem-humorado" e que ficou muito contente com o último check-up médico, feito no sábado.Polêmica "O médico dele disse que ele está com corpinho de atleta. No teste ergométrico, por exemplo, ele teria dito ao médico ´pode acelerar que eu agüento´." O ministro disse que Lula emagreceu 12 kg desde o início do regime. Perguntado se a melhora da forma física seria uma preparação para a campanha presidencial, Furlan disse, sorrindo, que não "é para essa maratona de viagens". Em maio de 2004 o correspondente do jornal americano The New York Times no Brasil, Larry Rohter, deu início a uma polêmica ao escrever um artigo no qual dizia que o consumo alcoólico do presidente Lula estaria preocupando a população brasileira. Em represália, o governo brasileiro ameaçou cancelar o visto de Rohter. Na época, Lula negou ter problemas com o álcool e disse que a reportagem era infundada, difamatória e um exemplo de mau jornalismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.