Lula lembra ''defesa intransigente da ética''

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou ontem, por meio de nota à imprensa, a morte do senador Jefferson Péres (PDT-AM).Apesar de pertencer a um partido da base de apoio ao governo federal, o pedetista era um crítico ferrenho da gestão Lula, especialmente quando algum de seus integrantes estava envolvido com acusações e suspeitas de irregularidades."Recebi com tristeza a notícia do falecimento do senador Jefferson Péres e transmito à sua família meus sentimentos", disse o presidente da República no texto. "Jefferson Péres foi um político que sempre pautou suas ações pela defesa intransigente da democracia e da ética. Sempre procurou guiar-se pelo que julgava ser o interesse público, mesmo nos momentos de divergências com o governo", lembrou Lula."É uma grande perda para o Brasil, para a Amazônia e para o Senado brasileiro", encerrou o presidente na nota oficial divulgada ontem pelo Palácio do Planalto.Ainda segundo informações do Planalto, o presidente Lula designou o vice-presidente José Alencar para representá-lo no sepultamento de Péres, que ocorre hoje, em Manaus. FRASELuiz Inácio Lula da SilvaPresidente"Jefferson Péres foi um político que sempre pautou suas ações pela defesa intransigente da democracia e da ética. Sempre procurou guiar-se pelo que julgava ser o interesse público"

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.