Lula lançará em Sobral programa de saúde bucal

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva desembarcou com mais de três horas de atraso, do avião Buffalo que o trouxe a cidade cearense. No caminho do aeroporto para a cidade, ele passou por um centro habitacional, sem parar, e se dirigiu ao Centro de Especialidades Odontolótgicas, onde vai lançar o Programa de Saúde Bucal em nível nacional. Na chegada ao Centro, Lula cumprimentou alguns dos muitos populares que o aguardavam. Em seguida, percorreu as dependências do Centro. Vestindo um jaleco branco, ele sentou em duas cadeiras de dentista e fez menção de escovar os dentes. Acompanham o presidente o governador do Ceará, Lúcio Alcântara (PSDB), e os ministros cearenses Ciro Gomes (Integração Nacional) e Eunício Oliveira (Comunicações), além dos ministros Humberto Costa (Saúde), Olívio Dutra (Cidades) e Walfrido Mares Guia (Cidades). Um forte esquema de segurança foi montado para a visita que barrou até um dos convidados para a solenidade, o presidente do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), Eudoro Santana. Há uma manifestação de funcionários do INSS, que levantaram faixas, uma dela com os dizeres: "Lula, perdemos a confiança; não nos faça perder a esperança". Lula deixou o Centro para fazer um discurso de lançameto do programa de saúde bucal, num palanque montado do lado de fora do prédio. Em Sobral, o presidente ainda vai almoçar na casa do prefeito local, Cid Gomes (PPS), irmão do ministro Ciro Gomes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.