Lula lamenta morte de ex-prefeito de BH

O presidente Lula destacou em nota oficial que o ex-prefeito de Belo Horizonte Célio de Castro (PT), que morreu ontem, deixa como legado "a cultura do entendimento, da aliança de pessoas em torno de uma causa maior". Para Lula, Castro tinha "a transparência e o compromisso social" como principais virtudes. Castro morreu aos 76 anos, após ficar dois dias internado no Hospital Mater Dei, na capital mineira. Segundo parentes, o ex-prefeito apresentou sintomas de problemas cardíacos que se agravaram. O corpo foi velado ontem na prefeitura da cidade e o enterro será hoje no cemitério Parque da Colina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.