Lula instala hoje a Câmara de Desenvolvimento Econômico

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva instala hoje, às 10 horas, a Câmara de Desenvolvimento Econômico, colegiado que será comandado pelo ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu. O ato de criação da nova câmara, publicado no Diário Oficial de sexta-feira passada, ampliou os poderes de Dirceu. O órgão será responsável pela formulação da política de desenvolvimento do governo e representará um contraponto à política do ministro da Fazenda, Antonio Palocci que, por seu turno, presidirá a Câmara de Política Econômica, da qual a nova Câmara chefiada por Dirceu foi desmembrada.A nova função é atribuída ao ministro-chefe da Casa Civil cinco meses depois do escândalo envolvendo seu ex-assessor Waldomiro Diniz, flagrado aceitando propina de um bicheiro. Caberá a Dirceu comandar a formulação de "políticas e estabelecer diretrizes gerais e planos nacionais e regionais de desenvolvimento econômico e coordenar, articular e acompanhar a implementação dos programas e ações com vistas a promover o desenvolvimento econômico".A nova câmara será formada por 14 ministros. Além de Dirceu, serão seus integrantes os ministros da Coordenação Política, Aldo Rebelo; da Fazenda, Antonio Palocci; do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan; do Planejamento, Orçamento e Gestão, Guido Mantega; da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues; da Ciência e Tecnologia, Eduardo Campos; da Integração Nacional, Ciro Gomes; de Minas e Energia, Dilma Roussef; das Relações Exteriores, Celso Amorim; do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto; do Trabalho e Emprego, Ricardo Berzoini; do Turismo, Walfrido Mares Guia, e da Secretaria Especial do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República, Jaques Wagner.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.