Lula imita Getúlio ao iniciar produção de petróleo da P-50

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugurou na tarde desta sexta-feira a produção de petróleo da plataforma P-50 na Bacia de Campos, no Norte do Estado do Rio de Janeiro. Repetindo um gesto do ex-presidente Getúlio Vargas, em 1952, Lula molhou as mãos no óleo e imprimiu as marcas em um macacão de funcionário da Petrobras. É a segunda vez que o presidente sobre na plataforma P-50, desta vez para anunciar a conquista da auto-suficiência na produção nacional de petróleo. Maior unidade de produção em operação no país, a P-50 adicionará 180 mil barris diários à produção nacional (o barril é a unidade de medida de petróleo líquido, igual a 159,2 litros). Somente essa unidade, instalada no campo de Albacora Leste, responderá por 11% de toda a produção nacional, que passará a cerca de 1,92 milhões de barris por dia.A Petrobras foi criada em outubro de 1953, por meio da Lei 2004, sancionada por Getúlio Vargas, depois de anos de movimento nacionalista, que resultaram na campanha O petróleo é nosso.O presidente Lula assistiu, na sala de controle da plataforma P-50, a um vídeo institucional da Petrobras. Depois, seguirá para o Rio de Janeiro, onde participará de cerimônia pela conquista da auto-suficiência na produção de petróleo no Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.