Lula faz caminhada no sítio do ministro do Turismo

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva passa o final de semana em Ouro Preto, Minas Gerais e deve voltar domingo para Brasília no domingo, ainda sem hora marcada, informa a Radiobrás.Na manhã deste sábado o presidente deu uma caminhada pelo sítio Vila do Carvalho, de propriedade do Ministro do Turismo, Walfrido Mares Guia.Na sexta-feira, Lula inaugurou um trem turístico recuperado que liga as cidades mineiras de Mariana a Ouro Preto e criticou "todos" os antecessores por terem transformado em ferro-velho o trem puxado por pela locomotiva maria-fumaça que foi reformado. O Trem da Vale, como agora se chama oficialmente a maria-fumaça, custou R$ 48,5 milhões foi entregue Vale do Rio Doce, após 9 meses de obras.Na quarta-feira, antes de viajar para Viena - onde participará da reunião de cúpula entre Europa e América Latina, o presidente enviará ao Congresso um projeto de lei que regulamenta as cooperativas de trabalho e outro que obriga os laboratórios farmacêuticos a produzirem remédios fracionados.Pelos dados do Ministério do Trabalho, há cerca de 15 mil cooperativas de trabalho no Brasil e cerca de um terço é informal. O projeto prevê a criação de uma linha de crédito, com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), para ajudar a organizar as cooperativas. As legalizadas terão acompanhamento técnico e ajuda para gerenciar recursos humanos.O projeto sobre remédios fracionados obrigará os laboratórios a oferecerem medicamentos para venda em unidades, dando um prazo de 6 meses para que se adaptem.O governo autorizou a venda de remédios por unidade há um ano, mas a idéia não pegou por conta da resistência dos laboratórios, que não se interessaram por esse tipo de produção - alegaram aumento de custos - e pela falta de interesse da maioria das farmácias. Atualmente, apenas 26 tipos de remédios, em 111 marcas, são vendidos fracionados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.