Lula fará novas mudanças no governo, diz Mercadante

Depois de se reunir com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o líder do governo no Senado, Aloizio Mercadante (PT-SP) afirmou hoje que a estratégia do Palácio do Planalto é montar um governo formado pela composição de vários partidos. Ele admitiu que o presidente Lula fará novas mudanças na equipe do governo. "O presidente fez algumas mudanças na equipe e provavelmente fará novas mudanças, mas cabe a ele anunciar quais são, e o momento", afirmou o senador. "Tenho certeza de que ele (Lula) está escalando a melhor seleção do País para fazer frente a tantos desafios e a tantas oportunidades que o País tem pela frente". Segundo ele, o presidente está amadurecendo as consultas e trabalhando com a perspectiva de montar um governo de coalizão dos vários partidos que dão sua base de sustentação. "Esses partidos, disse, devem ter uma responsabilidade e uma participação no governo proporcionais à contribuição que estão dando", afirmou. Mercadante evitou fazer uma avaliação específica de qual seria, na futura coalizão, a participação de quadros do PMDB, partido que tem dois ministros peemedebistas, mas está dividido em relação a permanecer ou não no governo. Disse apenas que o perfil e o lugar de cada partido e de cada técnico na montagem da equipe fazem parte de "uma construção cujo maestro é o presidente da República."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.