Lula explica à Justiça Eleitoral pedido de voto a Marta

A Advocacia Geral da União (AGU) informou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva resolveu se antecipar e enviou ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), de São Paulo, as explicações sobre a ida dele à inauguração da extensão da Radial Leste, no último dia 18, quando pediu votos para a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy. A explicação foi enviada por fax. A AGU só divulgará o texto amanhã, depois que o juiz da 1ª Zona Eleitoral, José Joaquim dos Santos, receber o original do documento. Pouco antes, o porta voz da Presidência da República, André Singer, havia informado que o Palácio do Planalto não havia recebido qualquer notificação da Justiça Eleitoral para que o presidente se defenda das acusações do PSDB de transgredir a lei eleitoral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.