Lula evita sair em defesa de Sarney após divulgação de áudios

Reportagem do 'Estado' revela conversas da família Sarney que mostram a prática de nepotismo no Senado

Leonencio Nossa, da Agência Estado,

22 de julho de 2009 | 18h13

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que, desde o início da crise no Senado, vinha demonstrando apoio incondicional ao senador José Sarney (PMDB-AP), evitou sair em defesa do aliado nesta quarta-feira, 22. Após participar do lançamento do Plano Safra de Agricultura Familiar 2009/2010, no Museu da República, Lula passou direto pela imprensa sem fazer, como nas últimas semanas, declarações a favor de Sarney.

 

Veja também:

especialESPECIAL MULTIMÍDIA: Entenda os atos secretos e confira as análises

lista Confira a lista dos 663 atos secretos do Senado

trailer Galeria: vista aérea da casa particular de José Sarney na Península dos Ministros 

lista O ESTADO DE S. PAULO: Senado acumula mais de 300 atos secretos

lista O ESTADO DE S. PAULO: Neto de Sarney agencia crédito no Senado 

 

Jornalistas chegaram a perguntar se, após a divulgação de gravações de conversas do senador com seus parentes, o governo continuaria defendendo o seu aliado. Lula nada respondeu e tentou colocar o ministro do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel, na frente dos holofotes para que ele falasse sobre o Plano Safra.

 

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, que no decorrer da crise também deu declarações a favor de Sarney, desta vez, saiu do evento sem dar uma palavra sobre o aliado.

 

Reportagem do jornal  O Estado de S. Paulo desta quarta mostra diálogos gravados pela Polícia Federal, com autorização judicial, que revelam a prática de nepotismo da família Sarney e o vínculo do presidente do Senado com o ex-diretor da Casa Agaciel Maia, responsável pelos atos secretos.

 

somDiálogo 1 (30/3/2008 - 15h14min04s): Neta do presidente do Senado negocia com o pai, Fernando Sarney, cargo para o namorado na Casa

 

som  Diálogo 2 (31/3/2008 - 11h34min54s): Neta do presidente do Senado negocia com o pai, Fernando Sarney, cargo para o namorado na Casa

 

som  Diálogo 3 (01/4/2008 - 15h57min00s): Neta do presidente do Senado negocia com o pai, Fernando Sarney, cargo para namorado na Casa

 

som  Diálogo 4 (01/4/2008 - 21h00min53s): Neta do presidente do Senado negocia com o pai, Fernando Sarney, cargo para o namorado na Casa

 

som  Diálogo 5 (02/4/2008 - 09h36min17s): Filho do presidente do Senado, Fernando Sarney, tenta agilizar a contratação do namorado da filha

 

som  Diálogo 6 (02/4/2008 - 10h32min21s): Filho do presidente do Senado, Fernando Sarney, fala com o pai e  pede que ele dê "uma palavrinha com Agaciel" para a contratação e os dois conversam sobre "negócio da TV"

 

som  Diálogo 7 (25/03/2008 - 19h31min29s): Filho do presidente do Senado, Fernando Sarney, conversa com o filho João Fernando sobre o emprego dele como funcionário do senador Epitácio Cafeteira

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.