Lula escolherá 2 ou 3 ministros até fim do ano, diz Tarso

O ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, afirmou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá escolher até o final de dezembro apenas dois ou três novos ministros para integrarem o novo governo. Ele destacou que o processo de escolha dos ministros para o segundo mandato será diferente do que ocorreu no primeiro mandato. Segundo ele, no primeiro mandato, Lula escolheu os ministros para formar a maioria no Congresso. Agora, explicou, o presidente está formando um governo de coalizão com partidos que vão dar a maioria no Congresso. Os ministérios, explicou, serão uma conseqüência disso.O ministro considerou normal os partidos majoritários no Congresso apresentarem candidatos para disputar o comando da Câmara e Senado."Essa é uma negociação dos partidos da base aliada e também com a oposição para que o presidente da Câmara venha a ter legitimidade", afirmou.Deixou claro, porém: "O governo não vai interferir nisso (na disputa pelo comando da Câmara e Senado).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.