Lula e ministros não chegam a acordo sobre o novo mínimo

Na reunião de duas horas e meia concluída hoje à tarde, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ministros, secretários e assessores não chegaram a um acordo sobre um novo valor para o salário mínimo, atualmente de R$ 240,00. Segundo relato de participantes do encontro, os integrantes da equipe econômica insistiram na defesa de um mínimo de R$ 256, podendo chegar a R$ 260,00, e um aumento no salário-família, que é de R$ de 13,48 por filho e poderá chegar a R$ 25,00. Os outros ministros propuseram R$ 270,00 mais um salário-família de R$ 20,00 a R$ 25,00.Um interlocutor do governo disse que o presidente Lula encerrou a reunião pedindo prazo e anunciando que vai definir o valor do novo mínimo na próxima semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.