LUIS EDUARDO NORIEGA
LUIS EDUARDO NORIEGA

Lula e filhos divulgam em site ações contra jornalistas

Página na internet apresenta argumentos de ex-presidente e familiares às acusações das quais são alvos e revelam teor de processos movidos por eles

O Estado de S.Paulo

02 de março de 2016 | 20h23

Entrou no ar nesta quarta-feira, 2, uma página na internet em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seus filhos, Luis Cláudio e Fábio Luis, apresentam seus argumentos às acusações das quais são alvo e revelam o inteiro teor das ações que eles movem contra jornalistas, políticos e um procurador de Justiça. Na página 'A Bem da Verdade' (www.abemdaverdade.com.br), ao todo são divulgadas 45 medidas legais tomadas pelos três, isolada ou conjuntamente.

Entre elas há nove ações indenizatórias ou de reparação de danos morais e cinco interpelações criminais interpostas contra jornalistas dos mais importantes meios de comunicação. Repórteres do Estado são alvos de uma interpelação criminal motivada pela publicação de reportagem sobre a Operação Zelotes.

Outros tópicos do site, como “Publicações” e “Feed” divulgam notas à imprensa e notícias que apresentam os pontos de vista da defesa da família de Lula. O site apresenta ainda o currículo de Lula, Fábio Luis e Luís Cláudio.

O domínio da página www.abemdaverdade.com.br está em nome da G4 Entretenimento e Tecnologia Digital Ltda, cujos sócios são Fábio Luis, e os irmãos Kalil e Fernando Bittar. A G4 funciona no bairro dos Jardins, em São Paulo, no mesmo endereço que uma empresa de Luis Cláudio, a LFT Marketing Esportivo, que foi alvo de mandadoss de busca e apreensão da Polícia Federal no âmbito da Operação Zelotes.

Consultado, o Instituto Lula afirmou que não é o responsável pelo conteúdo do site. O Estado entrou em contato com a G4 Entretenimento e Tecnologia por meio do telefone que consta em seu cadastro, mas ninguém atendeu. A assessoria da defesa de Lula e seus filhos também foi contatada mas limitou-se a informar que “o site é autoexplicativo”.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.