Filipe Araujo/AE - 09/02/2012
Filipe Araujo/AE - 09/02/2012

Lula é desaconselhado a participar do desfile da Gaviões da Fiel

Internado para tratamento de câncer, ex-presidente insiste em participar de homenagem em SP

Agência Estado

16 de fevereiro de 2012 | 19h04

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem se recuperado dos efeitos colaterais da radioterapia e deve receber alta médica nesta sexta-feira, após a última sessão de radioterapia no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, para tratamento contra um câncer de laringe. A informação é de membros da equipe médica que, no entanto, desaconselharam Lula a participar, na madrugada do domingo, 19, do desfile da Gaviões da Fiel, cujo enredo deste ano homenageia o ex-presidente.

Nos últimos dias, segundo auxiliares próximos, o petista tem insistido com os médicos em sua vontade de participar do desfile da escola de samba, mas a recomendação médica é de que ele se resguarde após ter apresentado quadro inflamatório na garganta e no esôfago, efeito colateral típico do tratamento radioterápico.

A ex-primeira-dama Marisa Letícia tem pedido a familiares e amigos do ex-presidente que evitem visitá-lo neste período de internação, para evitar o desgaste de sua voz. O petista realizou, nesta amanhã, a penúltima sessão de radioterapia no tratamento contra o câncer. O ex-presidente recebeu ainda hidratação endovenosa e teve consulta com uma fonoaudióloga, procedimento para amenizar os efeitos colaterais da radioterapia.

A previsão da equipe médica é de que, a partir de março, Lula já se sinta melhor e possa voltar às articulações políticas, as quais não interrompeu, mesmo debilitado, durante o tratamento médico.

Mais conteúdo sobre:
Lulatratamentocarnaval

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.