Lula e cúpula do Judiciário discutem bloqueio do Orçamento

A cúpula do Poder Judiciário reuniu-se nesta terça-feira por cerca de uma hora e meia com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Palácio do Planalto, em Brasília. O assunto oficial do encontro foi a decisão tomada na semana passada pela Justiça de contingenciar de seu orçamento menos do que havia recomendado o Executivo.Além de Lula, participaram da reunião o ministro da Justiça, Tarso Genro, o presidente interino do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, e os ministros Cezar Peluso e Sepúlveda Pertence. Peluso foi indicado para o STF por Lula. Decano do tribunal, Pertence é amigo do presidente.Na semana passada, os presidentes do STF e de tribunais superiores decidiram bloquear um montante de recursos no Orçamento menor do que o recomendado pelo Executivo. Eles resolveram contingenciar R$ 217 milhões - somente 29% dos R$ 744 milhões sugeridos pelo governo. Ontem, os ministros do Supremo fizeram questão de deixar claro que não há clima de confronto entre Poderes.Mas além do contingenciamento há um outro tema em análise pelo STF que interesse especialmente o governo. O tribunal decidirá até o final do mês uma ação movida por deputados de oposição com o objetivo de garantir a criação da CPI do Apagão Aéreo. Ministros do Supremo acreditam que o tribunal determinará a instalação da comissão. Isso tem preocupado o presidente Lula.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.