Lula e Carter discutem saúde e conflito Israel e Palestina

Ex-presidente dos Estados Unidos demonstra interesse no programa de habitação do governo federal

Agência Brasil,

05 de maio de 2009 | 01h05

O ex-presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniram nesta terça-feira, 4, em Brasília. Os dois discutiram o conflito entre Israel e Palestina e a cooperação na área de saúde entre o Brasil e a fundação criada por Carter, além de programas de habitação.

 

Carter e Lula concordaram que é importante a participação de atores externos no conflito entre palestinos e israelenses para que as conversas sejam conduzidas de uma maneira eficiente.

 

O ex-presidente americano demonstrou interesse pelo programa de habitação do governo, o Minha Casa, Minha Vida. A fundação Carter Center tem também um programa de construção de casas populares.

 

Na área de saúde, os dois discutiram a cooperação para a prevenção e erradicação de um tipo infeccioso de cegueira comum na região de fronteira entre o Brasil e a Venezuela. Segundo o presidente Lula, a meta brasileira é erradicar a doença até 2012.

 

Lula e Carter também concordaram sobre a importância do diálogo proposto pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, com a América Latina.

 

A Carter Center foi fundada em 1982 com o objetivo de implantar ações voltadas para a paz e a saúde. Antes de vir ao Brasil, Carter, que preside a fundação, passou pela Bolívia, Peru e Equador, mantendo reuniões com os chefes de governos dos três países.

Mais conteúdo sobre:
LulaBrasilJimmy Carter

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.