Lula e Cabral vão a velório de corpo de Abdias no RJ

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o governador Sérgio Cabral estiveram entre as centenas de pessoas que foram à Câmara Municipal do Rio de Janeiro acompanhar o velório do corpo do ator, diretor e político Abdias do Nascimento, que morreu nesta terça-feira, 24, na capital fluminense.

CLARISSA THOMÉ, Agência Estado

26 de maio de 2011 | 21h07

Lula e Sérgio Cabral não fizeram discurso. Ficaram ao lado da viúva, Elisa Larkin, que pediu apoio para a criação de um museu dedicado ao legado de Abdias do Nascimento, um dos pioneiros no movimento de luta contra a discriminação racial no País.

"Abdias foi uma pessoa extraordinária na luta contra a desigualdade racial. Ele morreu, mas suas ideias vão permanecer. Acho que os negros conquistaram muito espaço desde a Constituição de 1988, mas ainda falta muito. O preconceito existente é uma doença que não tem cura fácil", afirmou Lula, ao deixar a Câmara.

Lula e Sérgio Cabral ficaram no local por cerca de 10 minutos. Também estiveram presentes artistas, ativistas do movimento negro, e políticos, como os ex-governadores Nilo Batista (PDT) e Benedita da Silva (PT). "Ele foi uma grande liderança, que deu ao Brasil o debate equilibrado, profundo a respeito da questão social. Abdias mostrou que este País é de maioria negra, mas os negros não ocupavam todos os espaços", afirmou Benedita. O corpo de Abdias Nascimento será cremado na tarde de amanhã, no Memorial do Carmo, no Caju.

Tudo o que sabemos sobre:
velórioAbdiasRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.