Lula diz que também 'ama' Marina, mas eleição não é amor

- O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou na noite desta quarta-feira, 24, durante comício em Santo André, no Grande ABC (SP), que ouviu hoje de um eleitor que a candidata Marina Silva (PSB) o ama e retrucou: "Eu disse que também amo a Marina, mas eleição não é questão de amor, se não eu escolhia a Marisa".

CARLA ARAÚJO E VALMAR HUPSEL FILHO, Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2014 | 21h17

O ex-presidente voltou a dizer que escolheu como sucessora a atual presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), por ela ser a mais preparada. Ele disse que Dilma era a "mais competente" e "mais preparada" para o cargo. Lula disse ainda que eleição para presidente "não é brincadeira" e "nem um teste".

Durante o discurso, Lula voltou a criticar a imprensa e disse que leu livros a respeito de ex-presidentes recentemente e percebeu que todos também sofriam com ataques da imprensa. "Eu estou lendo muito", afirmou. Segundo o ex-presidente, ele leu as histórias de Roosevelt, Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek e João Gourlart.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesLulaMarina Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.