Lula diz que sua confiança em Palocci é inabalável

O presidente Luiz Inácio da Silva afirmou que as denúncias feitas pelo caseiro Francenildo Santos Costa contra o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, tratam-se de calúnias. "O que é importante para nós é fazermos o que estamos fazendo. Ou seja: enquanto algumas pessoas passam a vida denunciando e levantando calúnias, o papel do presidente da República é viajar pelo Brasil e inaugurar as obras que durante tanto tempo nós plantamos, isso é o que interessa." Em resposta a perguntas sobre a acusação do caseiro, que, em entrevista ao Estado, afirmou que o ministro freqüentava a mansão, em Brasília, onde integrantes da chamada "república de Ribeirão Preto" teriam promovido festas e partilha de dinheiro ilícito, o presidente disse que "é inabalável" sua confiança no ministro da Fazenda, Antonio Palocci. "Acredito que o Palocci é maior de idade e tranqüilo para resolver essas denúncias", disse Lula. "São mais denúncias evasivas. Nós já estamos acostumados com isso", declarou. Em resposta a uma pergunta sobre a possibilidade de haver, por trás da entrevista do caseiro, objetivo eleitoral contra o governo, o presidente disse que "os resultados é que vão dizer se têm (objetivo) eleitoral."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.