Lula diz que saída de Mattoso não faz sentido

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse, em curta entrevista no início da tarde desta quinta-feira, que "não faz sentido" o rumor sobre a saída do presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso.Questionado sobre os boatos que circulam em Brasília, Lula respondeu: "Não faz sentido, até porque sou eu quem tem que tomar essa decisão. Quando tiver algo, eu tenho que comunicar". Indagado se Mattoso havia pedido demissão, Lula disse que não.O presidente participou da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) e não fugiu à pauta da reunião, que tratou sobre educação. Lula lembrou em seu discurso que a criação do Fundebinho permitiu às crianças do Norte e Nordeste ingressarem no segundo grau e defendeu a aprovação pelo Congresso do Fundeb, de modo a permitir "que haja certo equilíbrio na formação das crianças em todo o Brasil".O presidente destacou a necessidade de melhorar a formação do professor, mas assinalou que isso passa, necessariamente, por uma melhora salarial. "Quando se fala de choque disso, choque daquilo nos gastos do governo, sempre se fala em cortar salários, mas nós não vamos ter professores de qualidade sem que no final do mês eles recebam salários mais dignos," reconheceu, sem sinalizar aumento salarial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.