Lula diz que "não pode perder pela quarta vez"

O presidente de honra do PT, Luíz Inácio Lula da Silva, afirmou ontem que reluta em assumir-se como candidato do PT a presidência da República, porque não quer perder uma eleição pela quarta vez. "Todo mundo que é candidato pela primeira vez pode perder, eu não posso perder a quarta eleição, nem quero", disse.Lula afirmou que sua decisão será comunicada ao partido até outubro. Ele disse que é contra a realização de debates públicos entre os pré-candidatos à presidência da República pelo PT. "O debate tem que ser feito para os delegados do partido", afirmou Lula. A idéia de debates, em rádios e televisões, foi lançada na semana passada pelo senador Eduardo Suplicy (PT), pré-candidato oficial pelo PT.O presidente de honra do PT, Luiz Inácio da Silva, afirmou ser também favorável à manutenção da CPMF pelo próximo governo. "Temos que diminuir a alíquota, mas temos de manter o imposto até termos outra forma de arrecadação no lugar", disse. A declaração foi feita em entrevista ao programa Em Questão, apresentado pela TV Gazeta. Referindo-se à exigência de que o PT apresente detalhes pormenorizados do seu programa econômico, Lula acusou os integrantes do governo federal de exigirem respostas do PT, "para coisas que o próprio governo não tem resposta".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.