Lula diz que está otimista com reforma tributária

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje, em discurso num debate promovido em Brasília pela revista The Economist, que está otimista em relação à possibilidade de ser aprovada neste ano a proposta de reforma tributária enviada ao Congresso. "Estou otimista. Não sei por quê. Mas tenho certeza de que vamos aprovar uma reforma justa, que acabe com essa guerra fiscal fratricida", afirmou.Ao responder a perguntas de empresários, Lula afirmou que a segunda reforma urgente para o País é a política. Ele disse ainda que tem conversado com dirigentes dos partidos na tentativa de convencê-los a não esperarem dele uma proposta de reforma política. "Isso deve partir dos partidos políticos e é urgente para o País." Em outra resposta, Lula disse que o Brasil não corre o risco de um apagão no setor de energia elétrica, mas defendeu a realização de campanhas educativas para que os consumidores economizem energia. "Ainda vivemos uma cultura que acha que temos energia elétrica sobrando e que podemos gastar", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.