Lula diz que é preciso 'tirar os tucanos de São Paulo'

Em evento do PT paulista que aconteceu na manhã deste sábado, 14, na quadra do Sindicato dos Bancários, no centro de São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a defender a luta por um governo petista no Estado de São Paulo. Ao lado do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, Lula aproveitou a ocasião para conclamar a militância petista a "tirar os tucanos" do governo de São Paulo.

PEDRO VENCESLAU, Agência Estado

14 de setembro de 2013 | 12h57

"Esse Estado muito é importante para ser governado por um passarinho de voo curto e bico grande. São Paulo merece uma chance tirando os tucanos do governo", disse.

Lula tomou cuidado para não citar diretamente a possível candidatura de Alexandre Padilha e até brincou com isso. "Não posso falar aqui de eleição, já fui multado em R$ 15 mil e tive que pagar do meu bolso", disse.

"O partido (PT) podia estar puxando esses movimentos, que não são contra o Haddad, a Dilma, o Lula, são a favor deles", disse o ex-presidente ao fazer comentário sobre as manifestações de junho. Ele lamentou que o partido não tenha assumido a linha de frente dos protestos.

Mais conteúdo sobre:
eventoPTLulatucanos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.