Lula diz que cancelou viagem para batalhar votos para reformas

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, durante entrevista coletiva que concedeu na tarde desta sexta-feira que decidiu cancelar sua viagem à África para acompanhar as reformas. Lula garantiu que não pretende viajar durante as semanas de votação das reformas. "Aprovar essas reformas é a coisa mais importante, por isso vou ficar para conversar com as pessoas e batalhar os votos", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.